Brasileirão - Série A
10 maiores artilheiros do BRASILEIRÃO:

1Roberto Dinamite190 gols

2Romário154 gols

3Edmundo153 gols

4Fred142 gols

Lista de maiores campeões brasileiros:

1Palmeiras - 10 títulos(1960, 1967, 1967, 1969, 1972, 1973, 1993, 1994, 2016 e 2018)

2Santos - 8 títulos(1961, 1962, 1963, 1964, 1965, 1968, 2002 e 2004)

3Corinthians - 7 títulos(1990, 1998, 1999, 2005, 2011, 2015 e 2017)

4Flamengo - 6 títulos(1980, 1982, 1983, 1987, 1992 e 2009)

História

O Campeonato Brasileiro Série A é a principal competição de clubes do Brasil. O torneio é disputado durante os meses de abril e dezembro e conta com os melhores times do país lutando pelo posto de melhor equipe da temporada. Entretanto, diferentemente das ligas de outros países, o formato do Brasileirão demorou para se consolidar nacionalmente devido a uma série de mudanças de regras e formatos.

Oficialmente, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) lançou o Campeonato Brasileiro, em 1971, inspirado nas disputas dos torneios Taça Brasil, Roberto Gomes Pedrosa e Taça de Prata entre 1959 e 1970. O regulamento frágil, porém, fez com que a entidade variasse a quantidade de times participantes e a forma da disputa. Entre os anos de 1958 e 1968, o campeonato brasileiro foi organizado no formato eliminatório. Entre 1967 e 2002, o misto de grupos foi o modelo utilizado para a disputa.

Nesse período, não houve mudanças apenas no formato do campeonato brasileiro. A própria nomeação do torneio variou até o início dos anos 2000, utilizando nomes como Campeonato Nacional de Clube, Copa Brasil, Taça de Ouro, Copa União e Copa João Havelange.

Somente em 2003, depois de brigas entre os clubes na Justiça, seja por direito de títulos ou vaga na elite, a CBF batizou a competição de Campeonato Brasileiro Série A e o sistema de disputa ficou definido em pontos corridos de turno e returno. Três anos depois, o futebol brasileiro conseguiu outra vitória: reduzir a quantidade de times na Série A de 24 para 20 equipes. Esse modelo, que é utilizado até os dias atuais, busca enxugar o calendário e trazer maior tempo de preparo aos clubes para o campeonato.

O primeiro colocado fatura o título de Campeão Brasileiro da Série A e garante vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores junto ao vice-campeão, terceiro e quarto colocado. Os clubes que encerraram a disputa na quinta e sexta posição se classificam para a “Pré-Libertadores” (fase preliminar). Do sétimo ao 12º recebem vaga na Copa Sul-Americana e os quatro piores clubes são rebaixados para a Série B.

Atualmente, o Palmeiras ostenta o posto de maior campeão nacional com 10 taças conquistadas. Em seguida, surge o Santos com oito títulos, o Corinthians com um caneco a menos, Flamengo e São Paulo somam seis títulos cada e Cruzeiro, Fluminense e Vasco fecham o pódio com quatro taças. Importante ressaltar que, em 2010, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) decidiu igualar os torneios Taça Brasil, Roberto Gomes Pedrosa e Taça de Prata ao Brasileirão e passou a reconhecer os campeões da época.

Com 31 conquistas, São Paulo é o estado com maior número de títulos da competição nacional. Não é à toa que os quatro maiores campeões da atualidade são os paulistas Palmeiras, Corinthians, Santos e São Paulo.

Enquanto os paulistas dominam em títulos, o futebol carioca brilha com destaque no ranking de maiores artilheiros. O ex-atacante vascaíno Roberto Dinamite é o maior artilheiro com 190 gols, seguido por Romário (ex-Flamengo, Vasco e Fluminense) com 154 tentos e Edmundo (Ex-Vasco, Fluminense, Flamengo e Palmeiras) com 153 bolas na rede.

O Brasil é um dos países que mais exportam craques para o futebol europeu e o Campeonato Brasileiro é considerado como uma das competições mais difíceis de se apontar um provável campeão por contar com cerca de 10 candidatos antes do pontapé inicial. Segundo levantamento da Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS), entidade reconhecida pela FIFA, o torneio brasileiro é o quarto mais forte do mundo da bola, perdendo apenas para Premier League (Inglaterra), La Liga (Espanha) e Lega Serie A (Itália).

No Ranking da CBF, o Campeonato Brasileiro Série A atribui 800 pontos ao campeão. O vice-campeão recebe 640 pontos, o terceiro recebe 600 e o quarto, 560.

Curiosidades:

- Em 2007, o São Paulo sofreu apenas 19 gols e se garantiu como a melhor defesa de uma única edição de Campeonato Brasileiro.

- São Paulo, em 2006, Corinthians, em 2015, e Palmeiras, em 2018, foram as únicas equipes a terminarem campeão nacional com melhor ataque e melhor defesa.

- O Cruzeiro de 2013 marcou 77 gols e se isolou como o melhor ataque de uma única edição de Brasileirão. De quebra, a equipe mineira ainda conquistou o título do campeonato.

- O São Paulo é o único clube brasileiro a erguer o taça de campeão Brasileiro por três anos consecutivos: 2006, 2007 e 2008.

- Campeão brasileiro em 2015, o Corinthians liderou em todos os aspectos - melhor ataque, defesa, visitante, turno e returno - e foi o melhor mandante do campeonato com 50 pontos conquistados em Itaquera.

- O ex-goleiro Rogério Ceni é quem mais vezes atuou no Brasileirão. Com a camisa do São Paulo, por onde jogou 25 anos, ele disputou 517 partidas na competição.

- Fluminense conquistou 39 pontos na temporada 2012 fora de casa e conquistou o feito de visitante com melhor aproveitamento na história do torneio.

- Edson Arantes do Nascimento, o Rei Pelé, possui as conquistas dos Brasileiros de 1961, 1962, 1963, 1964, 1965 e 1968 e a marca de 100 gols.