Jogadores da NFL com mais partidas de playoffs na carreira

Eles são lendas na maior liga esportiva que existe no mundo

NFL Futebol Americano
Lendas da NFL estão entre os maiores participantes dos playoffs (iStock)

A pós-temporada da NFL é o marco da reta final da competição, onde apenas os 14 melhores times do ano seguem brigando para chegar ao Super Bowl. Nos playoffs da liga, não há mais espaço para erros e nestas condições de extrema pressão alguns atletas mostram que a responsabilidade de decidir é com eles mesmo. 

Em um esporte tão competitivo e difícil de se manter no topo, levar o seu time inúmeras vezes longe em pós-temporada é um feito que merece ser reconhecido. E é sobre os “carregadores de piano” que falaremos hoje, trazendo a lista dos cinco jogadores da história da NFL que mais partidas disputaram em pós-temporada, incluindo, é claro, aparições no tão sonhado Super Bowl. Confira com a gente!

5. D.D. Lewis / Peyton Manning (27 jogos)

Acho que essa dupla está boa para inaugurar o ranking, não? D.D. Lewis é um ex-jogador das antigas, tendo iniciado a sua carreira como profissional em 1968. Apesar de ser uma lenda do futebol americano universitário, não chegou com moral à NFL, sob o pretexto de que era muito pequeno para a liga.

Ele mostrou a todos que sobrava talento e construiu uma bela história em sua carreira. Durante 13 temporadas, defendeu o Dallas Cowboys, jogando 27 partidas de pós-temporada pela franquia mais popular do futebol americano. É um dos únicos oito jogadores na história a disputar cinco Super Bowls, tendo vencido dois deles (1971 e 1977).

Já Peyton Manning é um ex-atleta de tempos mais recentes. Eleito cinco vezes o MVP da NFL, o ex-quarterback é considerado por muitos como um dos melhores jogadores da história. E não é para menos já que em seu currículo tem uma lista de recordes absurdos e 27 jogos de pós-temporada divididos em 15 anos de playoffs.

Nos 14 anos em que serviu ao Indianapolis Colts, Manning levou a franquia a um título de Super Bowl (2006), repetindo o mesmo feito em um dos quatro anos com a camisa do Denver Broncos (2016).

4. Stephen Gostkowski (28 partidas)

Um dos pilares da dinastia construída pelo New England Patriots nos últimos anos passa pelo kicker Stephen Gostkowski. Draftado em 2006 para ser reserva, se tornou titular na pré-temporada e desde então nunca teve um concorrente à altura. Logo em sua temporada de estreia quebrou recordes da franquia e nos anos seguintes recordes da NFL.

Depois de servir o New England Patriots por 14 anos, conquistando três vezes o Super Bowl e entrando para o melhor time da década da NFL, Gostkowski foi buscar novos ares no Tennessee Titans, mas está longe de ser aquele kicker que brilhou em outros anos.

Vale lembrar que ele pode subir no ranking, já que está prestes a disputar a pós-temporada de 2020.

3. Jerry Rice (29 partidas)

Se você conhece Jerry Rice já deve ter ouvido muitos dizerem que ele é o maior jogador da história da NFL, ou, ao menos, o melhor wide receiver que já passou por esse esporte. Mas nem sempre foi assim. No início, a sua velocidade abaixo da média foi bem questionada, só não esperavam que ele havia muito mais para mostrar.

Foram seis temporadas liderando a NFL em jardas e recepções, um MVP da liga em 1987 e 29 partidas de pós-temporada. Por San Francisco 49ers, ganhou três vezes o Super Bowl (1989, 1990 e 1994), além do vice-campeonato de 2002, já pelo Oakland Raiders.

Da lista, é o único que é membro do Hall da Fama da NFL.

2. Adam Vinatieri (32 partidas)

Conhece o “Clutch Kicker”? Prazer, Adam Vinatieri, possivelmente o maior kicker da história da NFL. O atleta é um daqueles que possui história curiosa. Depois da faculdade, não foi draftado e atuou numa espécie de “NFL europeia”, por um time holandês. Só estreou mesmo na principal liga de futebol americano do mundo em 1996, quando contratado pelo New England Patriots como agente livre.

Ele mostrou que a decisão foi acertada e começou a escrever o seu legado nos Pats. Sempre se destacou por pontuar muito e por anotar chutes em momentos decisivos para a sua equipe (daí o apelido de "clutch", que em português significa algo como “decisão”, “decisivo”). Tanto é que marcou os pontos decisivos do New England Patriots nos Super Bowls de 2001 e 2003.

Antes de deixar a equipe, venceu a decisão da temporada 2004. Depois disso, mudou-se para o Indianapolis Colts, onde conquistou outro anel em 2006, sendo o único kicker da história com quatro conquistas.

1. Tom Brady (41 partidas)

Pós-temporada, vitórias, títulos, New England Patriots, Tom Brady… tudo isso significa quase a mesma coisa quando colocadas todas juntas. Afinal, basta ver a distância do quarterback, hoje no Tampa Bay Buccaneers, para os demais do top-5 para perceber como “Brady Boy” é completamente fora de série.

Vamos ao currículo: titular dos Patriots de 2001 a 2019, nove disputas de Super Bowl, seis anéis de campeão (2001, 2003, 2004, 2014, 2016 e 2018), recorde da NFL, quatro MVPs da final e três MVPs da temporada regular. Isso sem falar em todos os outros recordes que Tom Brady acumula na carreira, sendo, sem dúvidas, um dos maiores atletas que já passou pelo futebol americano.

Carrinho
SimplesCombinada
logo pinpayCompre Créditos
pertinho de você!
Encontre o ponto de venda mais próximo
FÁCIL COMO USAR DINHEIRO

Como apostar no Betsul?

Apostar no Betsul é muito simples. E o primeiro passo é criar uma conta. Por questões legais, você precisa ter mais de 18 anos para apostar no Betsul. Depois, é só realizar seu login no site, fazer seu primeiro depósito e escolher a sua modalidade de preferência para apostar!

R$000.000,00