Com chegada de Reinier, veja lista de promessas brasileiras contratadas pelo Real

Já virou uma tradição no time de Madrid apostar em jovens jogadores do país

Real Madrid brasileiros
Real Madrid é um dos times que mais tem apostado em brasileiros (iStock)

Na última segunda-feira (20), o Real Madrid anunciou a contratação de Reinier, jovem promessa do Flamengo de apenas 18 anos. Campeão da última Libertadores, o atacante se junta ao elenco merengue para ajudar o time de Zidane na luta pelos títulos do Campeonato Espanhol, Copa Del Rey e Liga dos Campeões da Europa nesta segunda metade da temporada. O seu nome é somente mais um na extensa lista que o clube da capital tem de contratação de jovens promessas brasileiras.

As apostas costumam dar certo, um dos motivos que deve fazer com que o Real Madrid continue desembolsando quantias milionárias em jogadores brasileiros que tem muito a oferecer. Consegue se lembrar de alguns destes nomes? Então confira na matéria abaixo exemplos para inspirar Reinier em seu início de trajetória no futebol espanhol, defendendo um dos maiores clubes do mundo!

Sávio

Podemos dizer que foi Sávio quem abriu as portas para os jovens brasileiros no Real Madrid. Depois de grande sucesso no Flamengo, formando uma dupla de ataque histórica com Romário, o meia-atacante chamou a atenção do gigante espanhol e, com 23 anos, desembarcou na capital para defender os merengues.

Lá, o brasileiro teve uma carreira muito vitoriosa, conquistando nada menos do que três títulos da Liga dos Campeões e um Campeonato Espanhol. Em Madri, sua passagem só não teve mais destaque porque Sávio conviveu com muitas lesões. No entanto, permaneceu na capital por cinco temporada, realizando 160 jogos.

Zé Roberto

Junto de Sávio chegou uma outra aposta brasileira: Zé Roberto, na época, o lateral-esquerdo mais caro da história do futebol brasileiro. Apesar de toda a expectativa que havia em cima do ex-jogador da Portuguesa, ele não correspondeu à altura e passou longe de fazer o mesmo sucesso que o compatriota. Resultado final: apenas 21 partidas na única temporada em que ficou no Real Madrid.

Robinho

Apesar de ter contratado muitos brasileiros depois de Zé Roberto, como Ronaldo Fenômeno, o Real Madrid só voltou a apostar em uma promessa desconhecida na Europa com Robinho, em 2005. E podemos dizer que toda a história é difícil. A saída do Santos (algo que já era inevitável) foi muito conturbada e colocou o jogador sob os holofotes.

Ao chegar na Espanha, Robinho teve poucas oportunidades como titular na sua primeira temporada e não conseguiu se firmar. Apesar disso, sagrou-se campeão espanhol. Na temporada seguinte, sob o comando de outro treinador, o brasileiro se tornou peça fundamental da equipe e foi responsável por levar o time ao bicampeonato nacional.

No entanto, problemas de relacionamento com a comissão técnica fizeram com que Robinho viesse à público manifestar o seu desejo de sair do clube, o que aconteceria ao final da temporada.

Marcelo

De todas as apostas do Real Madrid, Marcelo é aquela que mais trouxe bons resultados ao clube. Apesar de defender o Fluminense, o lateral-esquerdo ainda era bem desconhecido quando recebeu uma improvável oferta do clube espanhol. Aceitou o desafio e mal sabia que ali iniciava uma trajetória que entraria para a história dos merengues.

Alternando entre bons e maus momentos, Marcelo logo virou o substituto de Roberto Carlos, que estava em final de carreira. Com apenas 18 anos, o lateral entrou em campo pela primeira vez na temporada 2007/08, não demorando muito para encher os olhos dos dirigentes e conseguir uma renovação, passando de aposta para realidade.

Hoje, aos 31 anos, é o brasileiro que mais defendeu o Real Madrid (498 jogos), ostenta o posto de capitão do time quando Sergio Ramos não está em campo e foi fundamental em um dos períodos mais vitoriosos da história do clube, tendo sido campeão da Champions League em quatro oportunidades.

Casemiro

Muita gente achou que a carreira de Casemiro estava indo de mal a pior quando o volante revelado pelo São Paulo foi emprestado ao Real Madrid Castilla (o Real Madrid B) em 2013. Com somente 21 anos, o brasileiro que era uma das grandes promessas do nosso futebol não se deixou abalar e foi contratado pelo clube para o time principal após boas partidas na equipe secundária.

No entanto, foi emprestado ao Porto antes de conseguir uma oportunidade no Real Madrid. Em Portugal, Casemiro teve atuações de destaque e fez com que Zinedine Zidane pedisse para a diretoria não negociá-lo. Sob o comando do francês, o volante virou titular absoluto e há anos vem mostrando que o ídolo do clube fez uma decisão acertada ao apostar em seu futebol.

Lucas Silva

Por falar em volante, outro que chegou nos últimos anos no Real Madrid foi Lucas Silva. Bicampeão do Brasileirão, ele desembarcou com muita mais moral do que Casemiro, mas não conseguiu repetir a história do compatriota. Ele também foi emprestado para ganhar experiência, mas não encantou, foi novamente cedido temporariamente pelos merengues até ser liberado para acertar definitivamente com o Grêmio.

Vinícius Jr.

Ascensão meteórica é o que define a carreira de Vinícius Jr. na Espanha. Após apenas duas partidas no time principal do Flamengo, o atacante foi contratado pelo Real Madrid, ainda com 17 anos. Por ser menor de idade, só pôde ser registrado pelos espanhóis no meio de 2018, quando se mudou para defender o Real Madrid Castilla em um período de adaptação.

Alguns meses depois, em setembro, ganhou a sua primeira chance no time principal do Real Madrid e de lá não saiu mais. Agora, em sua segunda temporada nos merengues, Vinícius Jr. alterna partidas entre os titulares e no banco de reservas.

Rodrygo

Se o sucesso de Vinícius Jr. no Real Madrid foi imediato (mas não se manteve), o de Rodrygo foi ainda mais. A história é parecida: foi vendido, esperou completar 18 anos e se mudou para a Espanha no início desta temporada. Foram apenas duas partidas no time B até subir ao profissional e começar a atuar.

Lá, fez gol na estreia, meteu um hat-trick na Liga dos Campeões e caiu nas graças da torcida e de Zidane, que vem dando muitas oportunidades ao atacante.

Aposte com Betsul

O Real Madrid vive apostando em jovens brasileiros. E você, em quem aposta? Faça o seu cadastro no Betsul, o melhor site de apostas esportivas da América do Sul, ganhe até R$ 120,00 de bônus no primeiro depósito e dê os seus palpites em campeonatos no Brasil e no mundo.

Carrinho
SimplesCombinada

Como apostar no Betsul?

Apostar no Betsul é muito simples. E o primeiro passo é criar uma conta. Por questões legais, você precisa ter mais de 18 anos para apostar no Betsul. Depois, é só realizar seu login no site, fazer seu primeiro depósito e escolher a sua modalidade de preferência para apostar!

R$00.000,00

O que é Jogo do Bem?

O Jogo do Bem é uma iniciativa pioneira do Betsul. Com ele, suas apostas esportivas também contribuem para uma sociedade melhor. A cada aposta realizada, parte do valor é destinado a uma causa ou uma instituição social. E tudo isso sem custos adicionais ao jogador.