Maior campeão, Corinthians estreia na Copinha; veja lista dos que já venceram

Timão estreia nesta sexta-feira (3) contra o Retrô-PE, na competição da qual é o mais vitorioso

Corinthians estreia às 21h30 (de Brasília)

A Copinha 2020 começou na tarde de ontem (2), mas é somente nesta sexta-feira (3) que o maior campeão da competição entra em campo. Às 21h30 (de Brasília), em Francana, sede do Grupo 11, o Corinthians, detentor de nada menos do que 10 troféus do maior torneio de base do Brasil, faz a sua estreia diante do Retrô-PE, em busca de voltar a vencer a Copa São Paulo após dois anos de “jejum”.

Iniciada em 1969, ela chega a sua 51ª edição neste ano, sendo que em 10 oportunidades (20%) foi o Alvinegro do Parque São Jorge que ficou com o título do campeonato (o último deles foi conquistado em 2017), um desempenho que o deixa de maneira bem isolada como o maior campeão que a Copinha já viu.

O maior campeão

A Taça São Paulo de Juvenis, antigo nome da Copinha, começou em 1969, como uma forma da Prefeitura de São Paulo comemorar o aniversário da cidade. Originalmente, a ideia era que o torneio amistoso contasse com as equipes profissionais da região, mas como os jogadores estavam de férias restou apelar para os garotos até 18 anos.

Somente Corinthians, Nacional, Juventus e Palmeiras participaram, e o sistema de disputa funcionou em jogos únicos de semifinal e final. No dia 24 de janeiro, Nacional e Corinthians golearam, respectivamente, Palmeiras (5 a 1) e Juventus (4 a 1). As equipes voltaram a campo no dia seguinte, no aniversário de São Paulo, e com o placar magro de 1 a 0 o Timão sagrou-se campeão do torneio.

No ano seguinte, a Prefeitura organizou a competição no mesmo sistema e a única mudança foi a entrada do Santos no lugar do Nacional. O Peixe caiu na semifinal para o Corinthians em um jogo muito disputado, vencido por 3 a 2 pelo time da capital. Na outra semi, o Palmeiras aplicou 3 a 1 no Juventus e a Copinha viu o seu primeiro clássico numa decisão. Nela, 4 a 2 para o Alvinegro e bicampeonato para o time do Parque São Jorge.

Depois disso, o Corinthians viveu um jejum de 25 anos até conquistar outro título da Copinha. Neste período, até fez boas campanhas, tanto que conseguiu cinco vezes chegar à decisão do torneio. A sina dos vices só acabou em 1995.

Naquela altura, a Copa São Paulo de Futebol Júnior já estava mais robusta e contou com 32 equipes, incluindo a seleção sub-20 do Japão. O Corinthians liderou o Grupo D à frente de Juventus, que também se classificou ao mata-mata, Fluminense e Juventude, que foram eliminados. No mata-mata, o time que revelou o lateral-esquerdo Sylvinho passou por Guarani, Nacional e São Paulo, até vencer a Ponte Preta na prorrogação da final.

O Corinthians voltaria a ser campeão em 1999, com um time extremamente promissor. No elenco que tinha Kléber, Edu Gaspar, Fernando Baiano, Gil e Ewerthon, o Timão foi uma máquina, passou com facilidade por todos os adversários até a semifinal, quando venceu o América-MG por 1 a 0, repetindo o placar contra o Vasco na decisão.

Em 2004 e 2005, a geração que revelou Jô, Bobô e Dinélson levou o Alvinegro ao 5º e 6º títulos da Copinha. Em 2009, apesar de não ter um time brilhante como em outros anos, o Corinthians levou um elenco muito competente para o campeonato e venceu o Athletico-PR na decisão. 

Três anos depois, veio outro título, talvez naquela que foi uma das melhores finais da história da Copinha. Contra o Fluminense, o Corinthians sofreu demais, saiu atrás, mas virou com dois gols do zagueiro Antônio Carlos, o segundo já aos 43 do segundo tempo. Naquele time,ainda estava Marquinhos, peça fundamental do PSG e da Seleção Brasileira.

Depois do vice em 2014, o Corinthians voltou a ser campeão em 2015, em uma geração que revelou Caíque França, Marciel, Maycon e Léo Príncipe, que chegariam a ser titulares da equipe principal anos depois. Por fim, veio o título de 2017, o último dos 10, que serviu para revelar ao Brasil o talentoso Pedrinho, que hoje é importante no profissional.

Os outros campeões

Além do Corinthians com 10, outras 20 equipes já puderam levantar a taça da Copinha nos mais de 50 anos de história da competição. Abaixo, confira a lista com todos os campeões que existem:

  • Corinthians - 10 títulos
  • Fluminense - 5 títulos
  • São Paulo - 4 títulos
  • Flamengo - 4 títulos
  • Internacional - 4 títulos
  • Santos - 3 títulos
  • Atlético-MG - 3 títulos
  • Nacional - 2 títulos
  • Ponte Preta - 2 títulos
  • Portuguesa - 2 títulos
  • Juventus
  • Cruzeiro
  • Guarani
  • Vasco
  • América-SP
  • América-MG
  • Lousano Paulista
  • Roma Barueri
  • Marília
  • Santo André
  • Figueirense
     

Aposte com o Betsul

A Copinha 2020, que tem o Betsul como patrocinador oficial, começou agora e não faltam jogos para apostar e faturar alto. Portanto, faça já o seu cadastro no melhor site de apostas esportivas da América do Sul, receba até R$ 120,00 de bônus no primeiro depósito e comece a dar os seus palpites no principal torneio de base do país.
 

Carrinho
SimplesCombinada
Compre Créditos
pertinho de você!
Encontre o ponto de venda mais próximo
FÁCIL COMO USAR DINHEIRO

Como apostar no Betsul?

Apostar no Betsul é muito simples. E o primeiro passo é criar uma conta. Por questões legais, você precisa ter mais de 18 anos para apostar no Betsul. Depois, é só realizar seu login no site, fazer seu primeiro depósito e escolher a sua modalidade de preferência para apostar!