Na final do Mundial contra Liverpool, Flamengo tenta acabar com soberania europeia

Brasileiros e Ingleses realizam a decisão do sonho no Mundial de Clubes da FIFA de 2019

Estádio Internacional de Khalifa recebe a final do Mundial de Clubes (iStock)

Em alguns momentos das semifinais, as classificações de Flamengo e Liverpool foram ameaçadas por seus oponentes, mas os dois favoritos confirmaram as expectativas, venceram as suas partidas com gols nos minutos finais dos duelos e agora se preparam para decidir o Mundial de Clubes da FIFA de 2019, neste sábado (21), às 14h30 (de Brasília), em Doha, no Catar.

O embate entre os campeões da Libertadores e da Liga dos Campeões da Europa é esperado desde que o Flamengo virou sobre o River Plate na decisão do torneio continental da Conmebol, há quase um mês, mas em alguns momentos ficou perto de não se tornar realidade, principalmente por conta da estratégia do alemão Jürgen Klopp diante do Monterrey, na última quarta-feira (18).

Um dia antes, o treinador do Liverpool já havia visto o Flamengo passar por momentos tensos diante do Al Hilal. O representante da Ásia mostrou ter um time bem perigoso e técnico, tanto que saiu na frente do Mengão no começo da primeira etapa. Apesar de ter cedido chances para o Rubro-Negro empatar ainda nos 45 minutos iniciais, os sauditas também tiveram oportunidades de ampliar e desperdiçaram.

O Flamengo igualou a parada logo na volta para a segunda etapa, martelou bastante, voltou a sofrer algumas ameaças e somente aos 33 minutos do segundo tempo conseguiu virar a partida em cabeceio de Bruno Henrique, antes de um gol contra selar o 3 a 1 para os cariocas.

E o susto que o Flamengo passou não pareceu ter ligado o alerta de Klopp para o jogo contra o Monterrey. O técnico alemão surpreendeu ao escalar um time muito mexido, até saiu na frente do placar com gol de Keita após passe primoroso de Salah, mas logo viu Funes Mori empatar e daí para frente sofreu bastante. Não fosse Alisson e a primeira etapa poderia ter sido facilmente vencida pelos mexicanos.

Somente depois que colocou força máxima em campo que o Liverpool fez o gol da vitória nos pés de Roberto Firmino, quando a segunda semifinal do Mundial de Clubes já estava nos acréscimos e a prorrogação parecia inevitável.

Flamengo contra a história

O Flamengo chega com moral à decisão do torneio no Catar, mas não tem o retrospecto a seu favor para encarar o Liverpool no sábado. Desde 2005, quando a FIFA adotou o atual sistema de disputa para o Mundial de Clubes, somente o São Paulo, no ano de estreia, diante do próprio time inglês, o Internacional em 2006 e o Corinthians em 2012 conseguiram conquistar o título enfrentando o campeão europeu.

Em todas as outras 12 edições o Mundial foi vencido pelo mesmo ganhador da Liga dos Campeões da Europa. No entanto, o que anima o Rubro-Negro é o fato de que duas dessas três vezes em que brasileiros conseguiram bater os europeus, os clubes daqui mediram forças contra clubes ingleses (o Corinthians bateu o Chelsea enquanto o Internacional superou o Barcelona).

Liverpool com problemas

O Liverpool pode até ter deixado uma impressão negativa contra o Monterrey, mas não dá para não reconhecer que o desempenho abaixo do padrão da equipe invicta na Premier League tem a ver com as mudanças feitas por Jürgen Klopp, que começou o jogo com van Dijk, Alexander-Arnold, Wijnaldum, Mané e Firmino entre os reservas. Depois que o lateral-direito e os dois atacantes entraram, não precisou mais do que três passes verticais de Arnold até que o gol do brasileiro saísse.

No entanto, o que preocupa é o sistema defensivo. Antes mesmo do Mundial começar o Liverpool já perdeu Fabinho, que vem fazendo uma temporada espetacular na cabeça de área dos Reds, dando proteção extra à meta defendida pelo compatriota Alisson. Henderson deve fazer essa função, enquanto Wijnaldum e Keita ou Oxlade-Chamberlain completam o trio de meio-campistas. 

E Henderson “deve” porque Klopp tem um gigantesco problema: Virgil van Dijk. O segundo melhor jogador do mundo está doente e pode ser um grande desfalque para o Liverpool contra o Flamengo, obrigando o capitão a jogar mais uma vez improvisado na zaga. Outra opção seria a entrada de Lovren, que vinha alternando a titularidade com Joe Gómez. Aliás, o zagueiro foi mal em muitos momentos contra o Monterrey e mostrou um lado vulnerável do campeão europeu.

Por isso, Klopp precisa correr contra o tempo para saber se contará com o seu principal jogador de defesa ou se precisará utilizar a dupla Lovren e Gómez, que ainda não atuou junta na temporada, ou se mais uma vez improvisa Henderson e vai para a final com um trio de meio-campo completamente diferente do habitual.

Flamengo sem posse?

O Flamengo também terá uns dias para ajustar um dos defeitos que ficou evidente contra o Al Hilal. Acostumado a jogar com posse de bola, o Rubro-Negro encontrou um time que também se utiliza da mesma ideia de jogo e que conseguiu colocar em prática na semifinal, principalmente na primeira etapa, quando foi bem melhor que o campeão da Libertadores.

Apesar de ter como característica forte o jogo vertical buscando Mané e Salah, o Liverpool vem cada vez mais gostando de tomar conta das ações da partida e pode mais uma vez colocar o Flamengo em uma zona de muito desconforto, onde precisará esperar para tomar a bola do adversário e escapar da pressão imediata imposta pelos Reds quando perdem a posse.

Aposte com o Betsul

Chegou o momento de descobrir quem é o melhor time do mundo e você pode ganhar muito dinheiro acertando quem fica com o título do Mundial de Clubes da FIFA. Cadastre-se no Betsul, aproveite o bônus de até R$ 300,00 do fim de ano e faça os seus palpites no melhor site de apostas da América do Sul.

Carrinho
SimplesCombinada
Compre Créditos
pertinho de você!
Encontre o ponto de venda mais próximo
FÁCIL COMO USAR DINHEIRO

Como apostar no Betsul?

Apostar no Betsul é muito simples. E o primeiro passo é criar uma conta. Por questões legais, você precisa ter mais de 18 anos para apostar no Betsul. Depois, é só realizar seu login no site, fazer seu primeiro depósito e escolher a sua modalidade de preferência para apostar!