O que mudou no Real Madrid desde o último título da La Liga

Sem Cristiano Ronaldo, a artilharia do clube Merengue ficou por conta de Benzema e Sergio Ramos

Sem Cristiano Ronaldo, a artilharia do clube Merengue ficou por conta de Benzema e Sergio Ramos. (iStock)

Ao derrotar o Villarreal na penúltima rodada da La Liga, o Real Madrid conquistou o título do Campeonato Espanhol. Disparado como maior vencedor da competição, a conquista foi a 34ª do clube merengue, porém é apenas a terceira nesta década. 

A última conquista da La Liga veio na temporada 2016/17. Apesar de um tanto quanto recente, o Real Madrid teve mudanças importantes de lá para cá, tanto é que os dois títulos têm grandes diferenças de campanha.

Ataque enfraquecido

A mudança mais óbvia é a saída do craque Cristiano Ronaldo. Sem ele, o Real Madrid perdeu muito poder ofensivo. Para se ter uma ideia, na conquista de 2017, o clube terminou com incríveis 106 gols marcados, enquanto na edição 2019/20, foram apenas 68 gols em 37 partidas disputadas. 

Essa queda era esperada, afinal, estamos falando do maior artilheiro da história do clube merengue. Contudo, sem o português há duas temporadas, ainda não foi encontrado uma formação de ataque definida para o time. Remanescente da última conquista, Benzema ganhou ainda mais responsabilidade seu o português ao seu lado. 

Assim, o atacante francês teve um desempenho muito superior nesta conquista de 2019/20. Em 36 partidas disputadas, Benzema marcou 21 gols e distribuiu oito assistências. Números expressivos que são superiores ao da edição 2016/17, na qual marcou apenas 15 gols e deu cinco assistências em 29 jogos. 

Hazard e Jovic, contratações caras para a temporada, ainda são frustrações para o time madrilenho. Por isso, os jovens brasileiros Rodrygo (ex-Santos) e Vinícius Jr (ex-Flamengo) tiveram bastante espaço no time. 

Quem ajudou bastante o setor ofensivo foi o zagueiro e capitão Sergio Ramos. Principalmente na reta final, Ramos teve grande impacto na 34ª conquista do Real. Atrás apenas de Benzema em número de gols marcados, o zagueiro espanhol marcou 10 tentos em 34 partidas disputadas.

O que aconteceu com Bale?

Quem acompanhou os jogos do Real Madrid na La Liga 2019/20, deve ter percebido a apatia do jogador com o clube. Pego até mesmo dormindo no banco de reservas durante uma partida da reta final da competição, Gareth Bale não teve nem de longe o desempenho nesta conquista comparada à última. 

No último título da La Liga, o galês sofreu com diversos problemas de lesões e só disputou 19 partidas. Ainda assim, conseguiu marcar sete vezes e dar quatro assistências. Já na edição 2019/20, o jogador voltou a ter problemas físicos, porém por períodos menos. Para se ter uma ideia, Bale não entrou campo em 10 partidas que foi como reserva. 

Marcelo

O lateral esquerdo perdeu bastante espaço desde a conquista de 2016/17, muito por conta das lesões que sofreu. Incontestável na titularidade, Marcelo jogou 30 partidas, marcou dois gols e deu 10 assistências naquela edição. Já na 34ª conquista, o brasileiro perdeu 11 partidas devido a problemas físicos, foram apenas 15 partidas em campo, com direito a um gol e quatro assistências. 

Novo goleiro

Contratado a peso de ouro em 2018, o belga Thibaut Courtois não começou bem no Real Madrid. Porém, o ex-goleiro do Chelsea teve uma segunda temporada mais segura e sofreu apenas 20 gols em 34 partidas na edição 2019/20 da La Liga.

Na 33ª conquista do Campeonato Espanhol, o titular era Keylor Navas. O goleiro costa-riquenho disputou 27 partidas e sofreu 31 gols. 

O que não mudou (muito)?

O treinador é o mesmo: Zinedine Zidane. O ídolo francês faz sua segunda passagem pelo clube Merengue como treinador principal. Após o grande sucesso de 2016 a 2018, Zidane saiu do comando técnico da equipe, mas retornou em 2019. Com essa última conquista, o francês tem os seguintes títulos como treinador do Real Madrid:

  • 2 Mundiais de Clubes
  • 3 Liga dos Campeões
  • 1 Supercopa da UEFA
  • 2 La Ligas
  • 2 Supercopas da Espanha

Se o ataque sofreu grandes mudanças a defesa continua praticamente com a mesma base: Sergio Ramos e Varane na zaga; Carvajal na lateral direita. Assim como o meio de campo, que seguiu com o trio Casemiro, Modric e Kroos.

Aposte com o Betsul

O Campeonato Espanhol é apenas um dos grandes campeonatos disponíveis no Betsul. Aproveite o bônus do primeiro depósito de até R$ 120,00 e faça agora mesmo o seu cadastro para começar a palpitar com o Betsul, o melhor site de apostas esportivas da América do Sul.

Carrinho
SimplesCombinada
Compre Créditos
pertinho de você!
Encontre o ponto de venda mais próximo
FÁCIL COMO USAR DINHEIRO

Como apostar no Betsul?

Apostar no Betsul é muito simples. E o primeiro passo é criar uma conta. Por questões legais, você precisa ter mais de 18 anos para apostar no Betsul. Depois, é só realizar seu login no site, fazer seu primeiro depósito e escolher a sua modalidade de preferência para apostar!