Kansas City Chiefs x Tampa Bay Buccaneers: duelo de gerações é destaque no Super Bowl LV

Patrick Mahomes lidera os atuais campeões contra os donos da casa liderados por Tom Brady

Patrick Mahomes lidera os atuais campeões contra os donos da casa liderados por Tom Brady. (iStock)

A 55ª edição do jogo mais importante do futebol americano chegou e promete um confronto espetacular! Neste domingo (07), Kansas City Chiefs e Tampa Bay Buccaneers se enfrentam a partir das 20h30 (de Brasília) no Super Bowl LV. Será a primeira vez na história que uma equipe consegue disputar em casa, façanha atingida pelos Bucs liderados por Tom Brady, que busca o título logo em sua primeira temporada com a franquia. 

Para conseguir o feito, que seria a sétima conquista de Super Bowl da carreira, Tom Brady precisa vencer o atual campeão Kansas City Chiefs, liderados por Patrick Mahomes. O confronto de quarterbacks é um embate entre gerações, afinal, Brady segue implacável aos 43 anos, enquanto Mahomes, em sua 4ª temporada, já tem a projeção de ser um dos melhores da história. 

Os Chiefs chegam para defender o título e mostram que são a nova dinastia da NFL. Liderados por Patrick Mahomes há três anos como titular, o time chegou a três finais de Conferência consecutivas e estariam no terceiro Super Bowl consecutivo se não tivessem perdido justamente para o New England Patriots de Tom Brady na final da AFC de 2018. 

Nesta temporada regular, os Chiefs venceram 14 partidas e perderam apenas duas. Com a primeira colocação geral na AFC, os Chiefs folgaram na primeira rodada dos playoffs e depois despacharam Cleveland Browns e Buffalo Bills para chegar ao Super Bowl. 

A situação de Tampa Bay era mais complicada, a franquia não chegava aos Playoffs da NFL desde 2007, contudo, o time apostou suas fichas no veterano e vitorioso quarterback Tom Brady, que já não fazia parte dos planos dos Patriots. Assim, Brady conduziu uma reformulação na conduta da franquia. Na temporada regular, os Bucs tiveram complicações, mas conseguiram uma campanha positiva com 11 vitórias e cinco derrotas. Já na pós-temporada, o time deu um salto de produtividade, com três vitórias consecutivas fora de casa, despachando Washington Football Team, New Orleans Saints e Green Bay Packers. 

Como foi o último confronto?

As duas equipes se enfrentaram na temporada regular no estádio do Super Bowl LV, casa dos Buccaneers, o Raymond James Stadium. O placar final de 27 a 24 para os Chiefs engana o que foi na prática o duelo. Na verdade, o que se viu foi um atropelamento dos visitantes. O primeiro quarto, por exemplo, terminou 17 a 0. 

O wide receiver Tyreek Hill queimou a secundária dos Bucs, com 13 recepções para 269 jardas e três touchdowns. Enquanto Patrick Mahomes castigou a defesa adversária que tentou mandar diversas blitzes e terminou o jogo com 462 jardas lançadas, três touchdowns e nenhuma interceptação. Os Buccaneers esboçaram uma reação já no último quarto da partida, marcando dois touchdowns e não sofrendo nenhuma. Mas, já era tarde demais. Brady, por sua vez, não teve um grande jogo, conseguiu conectar 27 das 41 tentativas de passe para 345 jardas, três touchdowns e duas interceptações. 

Existe favorito no Super Bowl?

A expectativa é de um grande jogo da magnitude de uma decisão da NFL. No entanto, os atuais campeões chegam com o status de favoritos, pelo menos, nas odds. No Betsul, uma vitória dos Chiefs está cotada em 1.52. Já os Buccaneers são vistos como azarão, mesmo jogando em casa estão com odds em 2.13, ou seja, podem render mais do que o dobro do valor apostado. 

O favoritismo dos Chiefs pode ser explicado por algumas estatísticas. Além da vitória no confronto da temporada regular, a franquia de Kansas City tem um dos melhores ataques dos últimos tempos da NFL. Mahomes conta com armas como Tyreek Hill, Travis Kelce, Mecole Hardman e Clye Edwards-Helaire que estão voando. Além de liderar a liga no jogo aéreo, o ataque cuida muito bem da bola, e sofreu apenas 16 turnovers na temporada regular. 

Do outro lado, o time engrenou de vez na pós-temporada, prova disso foi a vitória contra o rival de divisão New Orleans Saints, que havia varrido os Bucs na temporada regular com dois triunfos. Tampa Bay também tem um ataque forte e Brady também têm excelentes opções como Mike Evans, Chris Godwin, Scotty Miller e Rob Gronkowski. Tão importante quanto o ataque é a defesa que joga em altíssimo nível, especialmente, contra o jogo terrestre adversário. A linha defensiva composta por Jason Pierre-Paul, Shaquil Barrett e Ndamukong Suh deve ser um fator relevante no confronto contra o ataque dos Chiefs que está desfalcado de dois tackles titular: Eric Fisher e Mitchell Schwartz. 

Resultados dos últimos Super Bowls

Denver Broncos 24 x 10 Carolina Panthers - Super Bowl 50
New England Patriots 34 x 28 Atlanta Falcons - Super Bowl LI
Philadelphia Eagles 41 x 33 New England Patriots - Super Bowl LII
New England Patriots 13 x 3 Los Angeles Rams - Super Bowl LIII
Kansas City Chiefs 31 x 20 San Francisco 49ers - Super Bowl LIV

Domingo (07/02) às 20h30

Tampa Bay Buccaneers x Kansas City Chiefs - Super Bowl LV